Saturday, February 09, 2008

Sábado de sol

Finalmente um sábado de sol! Fui à praia, obedecendo aos instintos que fazem os moradores do Leblon se deslocarem em massa para a beira do mar em dias ensolarados. Que programa tão bacana. Levo um trocado para a barraca de praia, os óculos e.... ganhou um doce quem falou em Livro! Desta vez fui com o Rubem Fonseca me acompanhando, e, mal cheguei na praia mergulhei na leitura. Delícia. Fonseca em seus melhores dias de boa escrita e boa conversa. Falo de O Romance morreu, livro de crônicas, com um pequeno trecho autobiográfico que me fez ficar totalmente apaixonada. Por que é que eu cruzo com todos os artistas da Globo aqui no bairro e nunca tropecei com o meu vizinho? Quero dar um encontrão bem forte, prá ver se alguma coisa dele se transfere para mim. Quero que ele leia alguma coisa que eu tenha escrito e se diga:" puxa, como é que eu nunca esbarrei nessa minha vizinha?"
Aqui vai meu agradecimento público pelo belo dia de praia que a leitura de O romance morreu me proporcionou.
E, para terminar, um dedinho de auto-propaganda: Hoje é dia de Histórias Possíveis e lá tem novo conto meu. Não deixem de ir lá conferir, e ler as produções de meus colegas, que estão muito legais.

1 comment:

Leandro said...

um oi e um abraço
que não é do Rubem (que eu também sou leitor e ia querer abraçar também), mas um mais humilde... rs Sou o Leandro, um dos colegas "que estão muito legais... (realmente estão bons, adorei o da Dheyne)" é entrei aqui, invadi, só para falar um oi e dizer que gostei muito do seu conto.. que tem um velocidade controlada que o leitor vai junto e vai e vai e no fim fica querendo páginas 2, 3... parabéns
ABRAÇOS DE GOIÂNIA